Review Nacional: “Músicas para Drift” por Yung Buda

Iaaee seus pede review e não comenta, suave? Back by popular demand, Shaq por aqui pra mandar um review de um EP bem foda que quase passou despercebida pelo meu aguçado crivo musical underground e como é meu dever cívico e moral de não deixar o mesmo acontecer com vocês, vou falar da bela obra que é Músicas para Drift segundo trampo do Yung Buda, da Soundfood Gang, a mesma banca do nILL. Continuar lendo

Capas, capas e mais capas

iAEEE seus teóricos da terra plana, suave? Estamos meio sumidos né? Mas o motivo compensa, recentemente terminei meu curso superior, então terei mais tempo pra me dedicar a esta arte de ceder minha opinião fecal sobre rimas em batidas, então respeita o pai que agora nóiz é bacharel.. e em comemoração a graça alcançada queria fazer algo meio diferenciado, ao invés de fazer reviews (sei que estamos devendo mas cobrem o Vinar) hoje vou aproveitar uma thread que abri no grupo secreto de investidores do Rap Sh!t sobre capas de discos, em geral sem tema/gênero musical mesmo e apareceram capas muito fodas, que eu nem lembrava, outras que nem conhecia que me apresentaram trampos bem locos. Então senhoras e senhores, vou fazer um top (talvez 10) com capas fodas e como aqui falamos de rap, as capas serão restritas ao gênero diferente do tópico.

Sem mais delongas… vamos às notas.

Continuar lendo

Review: “All-Amerikkkan Bada$$” por Joey Bada$$

Iaeee seus geração 7×1 suave?! Shaq por aqui pra largar mais uma, dessa vez, uma que vocês perturbaram pra fazer e se não tiver comentários, vamo ter que convocar o bonde do isqueiro.

Como vocês já viram aí no título a análise de hoje é do Garoto Bumbum Perverso, ele mesmo, Joey Bada$$, com trampo novo tem algumas semanas e como diz o ditado vox Populi, vox Dei, se não manjam latim, procurem saber. E sem mais enrolação vamos falar desse disquin gostozin… All-Amerikkkan Bada$$.

Continuar lendo

Top 10 de 2016 (Shaq)

Salve salve seus responde diss, suave?! Shaq por aqui pra fazer o meu famigerado Top 10, antes de começar queria ressaltar que o a lista foi extremamente difícil de montar (não sei se por falta de bons trabalhos, ou poucos trabalhos muito bons) e o critério de escolha apesar de pessoal que eu usei foi: o que eu mais ouvi e que tenha sido pelo menos um pouco técnico. Ah e não fiz distinção de álbuns ou EP/Mixtapes…

Então sem mais delongas vamos a esse FAUSTOP10.

Continuar lendo