Review: “JEFFERY” por Young Thug

Jeffrev

Fala aí, seus trap de mensagem! Pai tá de volta pra uma review do rapper que mostrou que pode ser Thug sem deixar o lado diva de lado, Thugga lançou na última semana seu álbum “JEFFERY” AKA “No, My Name Is Jeffery” que remete ao seu nome real, o que eu entendi como um approach mais introspectiva no álbum e fiquei interessado no lançamento, além da capa que manteve a internet criando um buzz pro projeto. Assim decidi dar uma chance pro álbum do Thugga e o que achei tá na review, bora!

Assim que começei a ouvir “Wyclef Jean” a caminho da universidade, senti que o YT tava tentando algo diferente do que já tinha apresentado antes, o instrumental da track não segue toda aquela fórmula dos hits trap, é bem mais uplifting e é muito mais groovy. Já as duas tracks seguintes, “Floyd Mayweather” e “Swizz Beatz”, me fizeram sentir totalmente o contrário da primeira, “Lá vem o Thugga de sempre, com os mesmos assuntos de sempre, mesmos beats…” e daí eu voltei pro aleatório do celular e ele, 3 tracks depois, tocou “Webbie” (Falo dela mais detalhadamente depois) e eu curti tanto a track que voltei pra continuar o “JEFFERY”.

“Future Swag” é a track que segue, e por mais que ela seja mordida e MUITO do Future, ela cai bem no álbum. Ela joga a energia do álbum lá pra cima, dá uma quebrada necessária no ritmo do álbum com o flow acelerado do mumble rap. Agora vamo falar do que poderia ser uma track 10/10, “RiRi”, é uma track tão boa, mas tem um refrão tão ruim que não dá pra levar a sério. Thugga começa a track dando aula de melodicamente, no flow e cadência dos versos até que ele começa com o refrão… E parece a porra dum choro de cachorro fanho. Querido Thugga, você sabia que existem cantores no mundo? E que você pode contratá-los pra cantar seus refrões? HEIN? E o que dá mais raiva é que no final da track tem uma mudança de ritmo muito foda, com um outro flow mais rápido e soa tão bem… Mas ele volta com o refrão de cachorro apanhando e estraga tudo. Track 99% linda mas aquele 1% é o YT uivando desafinado.

“Guwop” é tão passável que vou passar ela na review, vou só dizer que ela encaixa bem no álbum mas não acrescenta em nada. E agora chega o ponto mais alto do projeto, a sequência de “Harambe” e “Webbie”: A primeira traz no nome uma referência ao Gorilla que foi morto esse ano depois que uma criança entrou na sua “jaula”(R.I.P Harambe), e Thugga entrega versos (Principalmente o segundo) de uma forma super agressiva, usando muito bem a voz (De maneira surpreendente) e a própria temática do verso combina bastante com a entrega, já que ele versa sobre agir como um louco e violentamente; Já a segunda, traz além de instrumental muito mais light e clean do que Thug tava acostumado a demonstrar, traz o que ele sabe fazer de melhor, que é abusar da criatividade no flow. Duke que também droppa um verso muito bom na track, que acrescenta bem a sonoridade da track, enfim, acho que é a minha favorita do álbum.

O álbum finaliza com “Kanye West” que antes era “Pop Man”, que uma track que tem uma sonoridade muito maneira, mais groovy, os vocais do refrão remetem a um som jamaiacano, graças ao Wyclef Jean. Além da perfomance de Thugga, com um flow sempre encaixado. No geral, depois de escutar mais vezes, eu curti pra caralho esse álbum e isso foi uma surpresa e tanto. Acho que desse álbum pro que eu tinha escutado antes do artista, esse projeto mostra uma tentativa de buscar um som novo, o ritmo das tracks é mais cadenciado não tem apenas os “slaps” que são as tracks hard-hitting, e além disso, Thugga se faz entender bem mais, eu consigo pegar muito bem o que ele tava rimando, coisa que não acontecia antes, talvez porque ele deu uma segurada no autotune e no mumble nesse projeto. Enfim, props pro menino Jefferinho. PEACE E #DicksOutForHarambe.

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “Review: “JEFFERY” por Young Thug

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s