Top 5: Álbuns do 1º Semestre (Vitor M.)

Enfim chegamos na primeira listinha polêmica do ano em que metade dos leitores choram dizendo ; “tal álbum deveria estar” e blá blá blá. Olha, a lista é minha, não venham colocando discos/mixtapes na minha lista. No entanto, se vocês crianças quiserem debater e tal, estou sempre as ordens.

Menções Honrosas: Makalister Renton (“A Terça Parte da Noite”), Flatbush Zombie (“3001: A Laced Odyssey”), Young Thug (“Slime Season 3”), Elzhi (“Lead Poison”), Lil Uzi Vert (“Lil Uzi Vert Vs. The World”), Skepta (“Konnichiwa”) Elucid (“Save Yourself”), Joey Purp (“iiiDrops”), YG (“Still Brazy”).

5  Denzel Curry – “Imperial”

imperialC4 nessa porra! Denzel é um dos rappers mais subestimados do jogo atualmente. Sempre vive largando trampos muito bons, e nesse ano, não foi diferente. Imperial, é muito radical e empolgante, suas linhas agressivas são bem pesadas e com certeza é um dos melhores trampos do ano. Sendo assim, a melhor mixtape até agora depois dessa que vai vim em seguida.


4  Royce 5’9″ – “Trust The Shooter”

Pra mim, Royce 5’9″ é um dos rappers mais líricos do jogo, e o mais lírico da sua banca no momento (Prevejo choro). “Trust the Shooter” é bom pra cacete ! Ele simplesmente dá aula de técnica ao mesmo passo que trás uma mensagem da hora. Pra mim, essa mixtape é melhor que álbum que ele largou esse ano. Vai me entender, né?


3  DDH – “Direto do Hospício”

Capa-DDH-Direto-do-HospicioDDH, disgraça! DDH pra mim é a maior surpresa do ano. Um grupo composto pelos rappers Baco e Mob, ambos da Bahia, representam não só o nordeste nesta lista, como também o rap nacional. Sujo, exalando boom bap, bem underground, Direto do hospício é um dos melhores EPs do ano. Apesar de uma produção confusa, mas boa, esse trampo mostra que não se precisa de muito dinheiro para apresentar um bagulho de alta qualidade.


2  BK – “Castelos & Ruínas”

BKIsso fede pra caralho! O melhor trampo BR até o momento está sim entre os mais sólidos do ano. BK, um dos melhores MCs do momento e membro de um dos melhores grupos do rap nacional no momento, o Nectar Gang, vem em seu primeiro trampo solo muito conciso. Suas antíteses pode não ter agrado alguns ai, mas achei o bagulho muito bem trabalhado. As produções do El Lif beats junto com os manos da Pirâmide Perdida é bem louco.


1  Kanye West – “The Life of Pablo”

tlopcoverEu odeio amar o Kanye West, sempre tenho que repetir isso. “The Life of Pablo”, pra mim, é uma coisa que não sei explicar direito. Tipo, em comparação a outros trampos dele, liricamente isso é bem abaixo. Porém, a entrega, o braggadocio que trás um entretenimento a mais, a arrogância, as oposições de conceito, ou seja, a dicotomia entre a fama e família..tudo deixou isso muito divertido. Com a melhor produção do ano até agora, na qual isso ajudou muito, coloca TLOP, pra mim, em primeiro lugar nessa primeira metade do ano.

 

 

Anúncios

5 comentários sobre “Top 5: Álbuns do 1º Semestre (Vitor M.)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s