Top 5: Álbuns 1º Semestre de 2016 (Vinar)

IT’SSSS TIMEEEE! Um dos momentos que eu mais gosto aqui dentro do site, a semana das listas de melhores álbuns, seja do ano, do primeiro semestre (Como é o caso dessa), enfim. 2016 até agora, não foi um ano cheio de releasese que me interessaram horrores, tanto que é que foi até fácil de montar esse top 5. Minha lista tá backpack pra caralho, sem muitos releases “mainstream” e só um release nacional, e diferente das minhas listas do ano passado, decidi comentar um pouco minhas menções honrosas. Então, vamo.

Menções Honrosas

  • Azizi Gibson – “A New Life”: Não é brincadeira, eu escuto essa porra até agora. É um trap descontraído, até diria descompromissado, de um cara que pega instrumentais fodas e sai falando qualquer coisa em cima, mas eu gostei, fazer o quê?
  • Joey Purp – “iiiDrops”: Excelente tape do menino Roxo, não tenho muito o que falar, o que tinha falei na review, leia AQUI.
  • Royce da 5’9 – “Layers” & Elzhi – “Lead Poison”: Coloquei esses juntos porque, por mais que sejam projetos muito bons, não me prenderam tanto assim. O “Lead Poison” poderia ter trabalhado melhor a produção, enquanto que o Royce ficou devendo um pouco na profundidade do seu projeto “Layers”.
  • Kanye West – “The Life of Pablo”: Logo que saiu, eu ouvi pra caralho mas perdeu o replay value bem rápido até.

5  Aesop Rock – “The Impossible Kid”

Aesop-Rock-The-Impossible-Kid-album-cover-art

Aes meteu o pé na porta com um projeto super criativo, introspectivo e, de certa, bem ambicioso. Com a lírica dele, sempre no ponto, e uma produção diferenciada e super coesa, com certeza merece estar em várias listas por aí. No entanto, esse projeto não me prendeu tanto quanto os outros, e talvez nem esteja na mesma posição lá pro final do ano.


4  Denzel Curry – “Imperial”

imperial

 

Eu nunca tinha escutado desse maluco até o Vitor AKA Tozin, decidir revisar ele aqui no site. Fui dar uma chance pra tape/álbum do rapaz e me surpreendi pra caralho, um trap nada usual, nada parecido com os futuros e os designers, se é que você me entende. Um flow agressivo pra caralho, algumas sacadas inteligentes, feats ON POINT (Sim, mesmo com Rick Ross), e um bom equilíbrio temático das tracks.


3  Elucid – “Save Yourself”

cover

“Save Yourself” foi a grata surpresa do ano, um puta álbum. Me agrada do começo ao fim, com uma produção que mescla estilos mais pé no chão com ousadas experimentações, em grande parte, bem barulhenta mas com uns intervalos bem smooths. Uma lírica  louca, flows criativos, enfim, ótimo projeto do ínicio ao fim. Ainda esperando as letras no Genius. 😦


2  Kendrick Lamar – “untitled unmastered.”

1bcdfd6b Keridinho resolveu soltar as untitled’s, que ficaram famosas nas lives dele e o resultado foi melhor que uma caralhada de álbuns lançados. É a vida.

 

 


1  BK – “Castelos & Ruínas”

BK Então, BK lançou seu trampo solo, que era imensamente aguardado pela crew inteira, ano passado ele foi o nome do jogo e hypou geral pra o seu debute solo, o “Castelos & Ruínas”. Esse que veio super bem trabalhado, produções inacreditáveis de tão boas, versos sólidos, mas ainda acho que ele poderia ter ido mais longe liricamente. Depois de analisar friamente, o release, ainda tem algumas coisas que me impedem de curtir ele inteiramente, como algumas linhas meio desconexas jogadas pra fazer uma wordplay, ou uma homofonia, coisa que ele é craque por sinal, mas isso, pra mim, tira um pouco o foco das tracks, deixam as ideias soltas, por mais que ele já tenha dito que é proposital e que no âmbito de álbum elas façam todo o sentido com seu conceito dual e tudo mais. Ainda assim, é o melhor do ano até agora.


Essa foi minha lista, seus bando de estrume. Comentem a de vocês aê embaixo ou nas redes sociais do saiti, em breve tá vindo um Sh!t Cast especial só comentando as nossas listas e muito mais novidades. PEAAACE!

Anúncios

7 comentários sobre “Top 5: Álbuns 1º Semestre de 2016 (Vinar)

  1. Achei a lista foda, porém, colocaria o Malibu do Anderson Paak., no meio desses, entretanto parabéns cês entendem pra caralho!

    Curtir

  2. muito bom !!! me surpreendi dms com denzel curry… otima aquisição a minha playlist.
    bk é o cara do momento no rap nacional, sem duvidas… nas menções honrosas colocaria rodrigo ogi com RÁ achei um puta disco!! bela analise vou acompanhar sempre.. abraços

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s