Review Nacional: “Janela” por Victor Xamã

JANELA-CAPA

Fala aí, seus Taylor Swift álbum do ano! Cacique Vinar pra mais uma review (ANOTHER ONE), e de novo nacional, já que os gringos tão mais parados do que água em foco de mosquito da dengue (Deixa água parada não, cuzão). E essa review é especial, pois vou revisar um trabalho do ano passado que a gente vacilou em não resenhar, o álbum “Janela” do Victor Xamã,  MC manauara que vem sendo destaque no norte do país, e afirmo que é o mais promissor daqui do norte (Pra quem não sabe, sou de PA). Sem mais delongas, vamo pra caralha da review!

A produção álbum é bastante low key, minimalista e assim como a entrega dos versos é bem laid back, assim criando uma harmonia pica entre instrumental e versos, mas também dando uma cara diferenciada pro projeto, e o que é mais pica, ele mesmo produziu as tracks, com exceção da primeira que é um remix de uma track do Sour Soul, álbum collab de BADBADNOTGOOD & Ghostface Killah, mas ainda sim o remix não soa distante ao restante do projeto, muito pelo contrário, cabe perfeitamente

O Xamã tem um estilo que eu curto pra carai, que é o de ser mais poeta do que rapper propriamente dito, e com isso, suas composições são bem introspectivas, onde ele expõe sentimentos, e seus pontos de vistas, e daí vem o título do projeto, “Janela”, tanto uma janela para alma, quanto para as coisas externas ao MC, as coisas que o cercam.

Não há uma track passável, que eu não tenha curtido, mas como as minhas favoritas cito a “Essa Noite Vou Me Embriagar”, que tem um instrumental lindão com uma melodia de sino, xilofone, ou sei lá que porra é, que cria uma atmosfera pica pra versos mais fodas ainda, Xamã e Makalister se “degladiam” líricamente, minha preferida do trabalho. Além dessa, curti pra caralho a track “Dr. Destino, O Autor”, onde o MC versa sobre alguém que comanda o Destino, o autor da trama, Deus talvez? Quem sabe. Mas não é só esse o interessante da track, além de um ótimo beat, ela também conta com um belissimo hook.

Esse projeto me hypa pra ver o que Xamã pode fazer no futuro, e é bom ver alguém representando (E BEM!) a região Norte dentro do Rap. Tamo junto, Xamã. E vocês, seus merdas, não fechem a aba do blog se não nós índios vamo flechar o rabo de vocês. PEAAAACE!

Anúncios

2 comentários sobre “Review Nacional: “Janela” por Victor Xamã

  1. Moleque e novo e muito promissor e vindo junto dele toda uma galera ai..como olx,barba negra e cito também pelé do manifesto de belém e vários moleques bons que tão chegando na sede de justiça pelo rap do norte.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s